Algumas precauções devem ser adotadas para utilizar o e-mail da empresa com eficiência e para o motivo correto.

Com o avanço da comunicação humana pela internet o e-mail se tornou uma forte ferramenta de comunicação. Entretanto, você sabe como usar o e-mail da empresa corretamente? Para começar é importante saber que, diferente do e-mail pessoal que pode ser usado para envio de mensagens de todo o tipo que você desejar, o e-mail corporativo é um documento oficial da empresa. E se presta para formalizar acordos verbais feitos em reuniões ou por telefone. É uma importante ferramenta empresarial para evitar equívocos próprios da comunicação oral.

A percepção da importância do e-mail no ambiente de trabalho é imprescindível para que o funcionário possa encarar esse veículo de comunicação com mais seriedade. O seu uso indevido pode ocasionar até uma demissão por justa causa. Então, algumas providências e precauções devem ser adotadas a fim de evitar problemas:

– Mantenha uma conta de e-mail pessoal e deixe para compartilhar seus vídeos, fotos pessoais ou mensagens inspiradoras através dele.

– Se no e-mail pessoal tudo vale, no corporativo é necessário cuidado. Utilize apenas linguagem formal. Não use palavras e frases de duplo sentido, sarcasmos e piadinhas.

– Ainda que seu colega de trabalho seja um grande amigo, não use o e-mail da empresa caso o assunto que vá tratar seja pessoal. Envie de um endereço pessoal para outro.

– Jamais utilize o e-mail para divulgar assuntos sigilosos. Você corre o risco de ser rackeado ou de alguém retransmitir. Nesse caso é melhor utilizar outros meios ou criptografia.

– Evite enviar para todos. Saiba a quem compete o assunto para endereçar para a pessoa certa. Assim você evita a prática do spam e torna sua comunicação online mais eficiente.

– Lembre-se de começar e terminar com um comprimento formal. Um “Prezado Fulano” e um “Atenciosamente” sempre caem bem.

– Seja direto em suas informações no corpo do e-mail e específico no campo do assunto.

– Sempre releia o que escreveu. Confira o nome do destinatário e a correção gramatical.

Lembre que você pode estar sendo monitorado e o uso correto desse meio de comunicação pode ser um bom referencial a somar em seu desempenho profissional.

Por Cristiana Pereira dos Santos


E-mail empresarial deve ser usado de maneira cautelosa, para fins somente profissionais.

O e-mail foi uma das invenções mais geniais no mundo da tecnologia. Ele nos faz poupar tempo e até papel, evitando que operações simples sejam custosas. No ambiente empresarial, ele é uma grande ferramenta de comunicação, mas que deve ser usado de forma cautelosa.

Muitos profissionais pensam que porque a empresa lhe ‘deu’ um e-mail, é propriedade dela mesma, e ela pode usar do jeito que bem entender, mas saiba que esse é um recurso que é propriedade da empresa, e se uso, por regra, deve ser apenas para questões relacionadas ao trabalho.

Obviamente cada empresa tem sua política própria, e tratam o assunto de maneiras diferentes. Tem empresas que são mais tranquilas, e liberam o uso de e-mail para questões pessoais, onde os funcionários podem se comunicar tanto para diversão quanto para resolver assuntos particulares.

Porém, boa parte das empresas não vê essa prática com bons olhos, e pode até demitir um funcionário pelo mau uso dessa ferramenta. Para você não passar por uma saia justa, fique atento a alguns detalhes, como a frequência que você utiliza seu e-mail profissional para resolver assuntos pessoais. Uma vez ou outra, é até aceitável, mas se você troca dezenas de e-mails particulares, a empresa pode ter uma grande arma na mão e provar que você passa boa parte do dia sem trabalhar.

Evite resolver discussões pessoais que podem ser feitas pessoalmente e que só atrapalham sua concentração no serviço. Se é assunto grave e urgente, peça cinco minutos para seu chefe e faça uma breve ligação, mas não utilize o e-mail para isso. Muitas vezes os e-mails são monitorados, e sua vida pode se tornar pública.

E-mails descontraídos, com piadas e vídeos engraçados podem descontrair um ambiente, mas também use com moderação e antes de tudo saiba se seu chefe é uma pessoa bem humorada. E saiba a hora certa de enviar; obviamente você não fará isso em dia de fechamento de reuniões, não é?

E, o primordial: jamais envie e-mails de corrente, com PowerPoint que ninguém mais aguenta receber. Você pode estar querendo ser legal, mas saiba que a maior parte das pessoas não gosta desses e-mails.

Por Felipe Villares


Confira aqui algumas dicas e cuidados que você deve tomar ao escrever um e-mail no trabalho.

A cada dia que passa é cada vez mais comum que os funcionários tenham um e-mail na empresa em que trabalham. Apesar disso, pouca gente sabe que cuidados tomar e como usar corretamente o e-mail da empresa. Se você é uma destas pessoas, confira agora algumas dicas e cuidados que você deve tomar ao utilizar o seu e-mail do trabalho:

Primeiramente, tenha plena consciência de que o e-mail do trabalho serve apenas para fins profissionais. Nada de ficar compartilhando vídeos, fotos ou piadinhas com os amigos através dele. Vale lembrar que atualmente é cada vez mais comum haver vazamento de informações, através de e-mail ou mídias digitais, que podem prejudicar a empresa.

Outra grande dica para se dar é com relação ao tamanho das mensagens. Quando for escrever um e-mail, procure redigir um texto bastante conciso, que vá direto ao ponto e que passe todas as informações necessárias. Vale lembrar que é essencial ser educado no e-mail.

Por falar em escrever o e-mail, o profissional deve ficar atento aos erros de português. Pega muito mal enviar um e-mail profissional com erros de digitação ou até mesmo ortográfico. Vale lembrar que a capacidade e credibilidade do profissional são analisadas através do e-mail, por isso, um único erro pode prejudicar a sua carreira.

Em tempos de internet, também é comum que utilizemos em nosso dia a dia abreviaturas ou até mesmo gírias com nossos amigos. Porém, no trabalho isso é totalmente proibido. Devemos lembrar também que os e-mails são atemporais, ou seja, não possuem um tempo definido. Você pode mandar um e-mail de dia, por exemplo, e a pessoa só ler a noite. Então, desejar um bom dia, boa tarde ou qualquer coisa do tipo pode ficar meio sem sentido, por isso, evite cometer este erro.

Outra dica bacana e que todos os profissionais deviam seguir é de checar o e-mail antes de enviar. Não custa nada dar uma última olhada no e-mail e verificar se está tudo correto. Se não existem erros no texto, se todas as informações necessárias foram inclusas, se os arquivos necessários foram anexados corretamente e até mesmo se o próprio endereço de envio está correto. Lembre-se que ninguém quer receber um e-mail pela metade ou então faltando algum arquivo.

Por fim, um erro bastante comum cometido por muitos profissionais é com relação à despedida. Muitas pessoas se despedem no final do e-mail com "beijos" ou "abraços". Isso deve ser evitado ao máximo, pois pode ser mal visto pelos seus superiores. Toda vez que escrever um e-mail em seu trabalho, procure colocar "Atenciosamente" ou simplesmente "Att."

Confira no vídeo abaixo mais algumas dicas de como escrever um e-mail no trabalho:





CONTINUE NAVEGANDO: