Vagas de emprego na SES-PE




A Secretaria Estadual de Saúde (SES) de Pernambuco lançou edital para realização de processo seletivo. O certame visa à contratação de 49 Médicos Plantonistas em diferentes especialidades que irão atuar no Hospital Regional do Agreste e noHospital Jesus Nazareno. Os aprovados farão jus à remuneração que chega a R$ 7.514,74, em um plantão de 24 horas semanais ou dois de 12 horas semanais. 

As chances são para Cirurgiões Gerais, Neurocirurgiões, Neonatologistas, Neurologistas, Tocoginecologistas, Traumatoortopedistas e Intensivista de Adulto. Vale ressaltar que ainda terá formação de cadastro de reserva e vagas destinadas aos candidatos portadores de necessidades especiais, desde que as atribuições do cargo sejam compatíveis com as limitações do candidato, se aprovado.


Os interessados podem se inscrever até o dia 26 de novembro de 2014, via SEDEX, com aviso de recebimento (AR) encaminhado à Diretoria Geral de Gestão do Trabalho, no endereço: Rua Dona Maria Augusta Nogueira nº 519, Bongi, em Recife, CEP: 50.751-530 ou pessoalmente na sede da IV Região de Saúde, situada à Rua General Estilac Leal, s/nº, Salgado, Caruaru, das 8h30 às 13h.

O processo seletivo se dará por meio de avaliação curricular, seguindo os critérios adotados por banca examinadora específica, determinada pela Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco. O resultado final será divulgado no endereço eletrônico: www.saude.pe.gov.br em data ainda não estabelecida.

Os candidatos aprovados assinarão contratos de até 24 meses, que podem ser renovados por igual período, até o prazo máximo de seis anos, levando em consideração os prazos da Lei nº 14.547, de 21 de dezembro de 2011. Nesses casos é respeitado o número de vagas disponibilizadas, a ordem de classificação e a disponibilidade orçamentária e financeira da Secretaria de Saúde do estado de Pernambuco.


Segundo o edital, a validade do processo seletivo será de 24 meses, a serem contados a partir da data de homologação do resultado final na imprensa oficial, com possibilidade de prorrogação por igual período, a critério da Secretaria Estadual de Saúde – SES.

Por Robson Quirino de Moraes

Relacionados



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *