Vagas de estágio na Procuradoria Geral da Fazenda Nacional em Goiás




Procuradoria Geral da Fazenda Nacional em Goiás está com as inscrições abertas para dois Processos Seletivos destinados para estudantes do Ensino Médio, e ainda acadêmicos do Curso de Administração e do Curso de Ciências da Computação (ou cursos afins).

Para o processo seletivo 19/2014 haverá cadastro de reserva para estudantes que estejam regularmente matriculados no primeiro ou segundo ano do Ensino Médio, em escolas públicas ou privadas. O estágio é remunerado.


Também haverá cadastro reserva para o processo seletivo 20/2014 com estágio remunerado para estudantes do Ensino Superior, nas áreas de Administração e Informática.

As cargas horárias dos estágios serão cumpridas no período matutino ou vespertino, sendo 20h semanais.

Para o PS 19/2014, a bolsa estágio será no valor de R$ 203,00, além de auxílio transporte de R$ 6,00. A carga horária é de 20h semanais, podendo ser realizada no período matutino ou vespertino.


Já no PS 20/2014, a bolsa estágio será no valor de R$ 520,00, também com auxílio transporte de R$ 6,00. A jornada nesse estágio é de 30h semanais.

Todos os interessados deverão se inscrever no Setor de Apoio da Procuradoria da Fazenda Nacional em Goiás, localizado na Avenida B – Professor Alfredo de Castro, com a Rua 05, quadra B-O, lote 07, nº 178, sala 308 – Setor Oeste. O atendimento será das 9h às 12h e das 14h às 17h até o dia 28 de novembro.

As inscrições são gratuitas. O candidato deverá entregar histórico escolar, uma cópia do documento de identidade e CPG e a ficha de inscrição contida no edital de abertura, devidamente preenchida.

Todos os candidatos serão avaliados por meio da análise do Histórico Escolar entregue pelo estudante. Os devem apresentar idade igual ou superior a 16 anos.

Os estágios terão duração de no mínimo um semestre e não ultrapassará dois anos.

Interessados devem procurar mais informações por meio do no edital de abertura completo, localizado no site da Procuradoria Geral da Fazenda Nacional em Goiás.

Por Camila Caetano

Relacionados



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *