Vagas de emprego na Gol Linhas Aéreas para PNEs

Categorias: Empregos - Gol Linhas Aéreas - PNE - São Paulo

A empresa Gol Linhas Aéreas está com vagas disponíveis para a contração de pessoas portadoras de necessidades especiais, no cargo de Teleoperador PCD – Home Based, na cidade de São Paulo. A empresa não divulgou o número exato de vagas que estão sendo disponibilizadas.



Os candidatos que se interessarem por essas vagas devem se inscrever através do site www.vagas.com.br até a data limite de 24 de dezembro de 2014. A principal atividade que as pessoas contratadas exercerão na empresa será de atuar em sua própria residência, tendo responsabilidade por atendimentos aos passageiros, via telefone, chat ou e-mail, sendo que eventualmente terão de comparecer à Central de atendimento que fica localizada no bairro do Morumbi na cidade de São Paulo.

A principal vantagem desse emprego sobre os demais é que o trabalhador que for selecionado para assumir esse cargo irá trabalha em casa, sendo que a exigência da empresa é que estes trabalhem em uma jornada de trabalho de 6X1 com uma carga horária de 6 horas diárias.

 A empresa está ofertando para esses candidatos um salário no valor de R$ 984,92, assistência médica, assistência odontológica, vale-refeição, vale-alimentação, seguro de vida, bem como benefício viagem que consiste na concessão de descontos em passagens.



Assim, essa é uma ótima oportunidade para você que é portador de necessidades especiais trabalharem em uma empresa que há treze anos impulsiona o mercado brasileiro de aviação, sempre apresentando processos, serviços e produtos inovadores e pioneiros, ainda mais no conforto de casa podendo planejar o seu horário de trabalho de acordo com as suas demandas pessoais e particulares.

A empresa Gol linhas aéreas se destacou no mercado brasileiro e hoje é uma das mais famosas do mercado, devido ao fato de ter democratizado as viagens de avião no Brasil e na América do Sul, por meio de passagens com valores competitivos quando se comparado com os valores cobrados pelas passagens de ônibus no país.

Por Adriano Oliveira



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *