Estudo do LinkedIn – 60% dos brasileiros querem mudar de emprego em 2023

O estudo apontou que cerca de 20% desses profissionais já estão enviando currículo e começando a buscar novas oportunidades.

O levantamento revelou que os profissionais querem melhores salários e maior flexibilidade na jornada de trabalho.

A pandemia foi um dos principais motivos que impulsionou esse movimento no país, quando o isolamento social fez com que muitas empresas adotassem o trabalho remoto.

Outro dado da pesquisa mostra que o home office caiu no gosto do brasileiro, indicando que 56% dos trabalhadores preferem não aceitar um novo emprego, muito menos uma promoção, se precisarem trocar o home office por uma rotina de trabalho presencial diário.

Essa nova realidade parece ter influenciado os trabalhadores a adotarem uma nova abordagem perante o modelo de trabalho tradicional, para uma visão com outras perspectivas.

Confiança alta e novas expectativas

O estudo do LinkedIn revelou que o nível de confiança dos brasileiros que querem mudar de profissão ainda em 2023 é alto. O resultado mostra que 77% deles têm a certeza de que encontrarão uma nova oportunidade, caso peçam demissão este ano.

Entre as pessoas com idades entre 25 e 34 anos, a chamada Geração Z (nascidos entre 1997 e 2010), esse nível é ainda maior, com 82% de certeza que irão conseguir uma nova oportunidade profissional. Ela chega a 67% entre os entrevistados a partir dos 55 anos.

Nesse sentido, a pesquisa revelou os principais motivos que estimulam os brasileiros a querer mudar de emprego.

Principais motivos para querer mudar de emprego

O LinkedIn revelou que 40% responderam que a insegurança financeira e a busca por salários mais altos são os principais motivos. Em contrapartida, 68% das empresas no país não estão oferecendo aumento salarial.

Conheça outros motivos:

  • 39% querem trabalhar em um lugar onde possam alinhar vida pessoal e trabalho;
  • 31% confiam nas suas habilidades profissionais;
  • 18% não tem perspectiva de crescimento dentro das empresas atuais;
  • 18% desejam atuar no modelo remoto ou híbrido;
  • 17% pretendem trabalhar com novos profissionais;
  • 16% buscam retorno positivo na sociedade
  • 14% querem mudar de carreira;
  • 8% não se alinham com a cultura interna da empresa.

Por outro lado, as empresas também encontram dificuldades que as impedem de ofertar oportunidades que estejam alinhadas com as novas demandas desses profissionais, principalmente quando se trata de home office.

Maiores dificuldades para empresas e profissionais

Grande demanda de trabalho presencial

Não é toda empresa que consegue implementar o trabalho remoto. Um dos principais motivos é o próprio segmento de muitas delas, como nos supermercados, lojas de roupas e hotéis, por exemplo, que precisam de funcionários para atuar presencialmente na maior parte das suas atividades.

Concorrência acirrada e baixa qualificação

De certa forma, o home office democratizou muitas oportunidades para as empresas buscarem talentos de outras cidades e Estados.

Entretanto, ao mesmo tempo, isso gerou um aumento na escassez de melhores profissionais, enquanto outras empresas – até mesmo fora do país – entraram na briga por esses profissionais.

Diante dessa realidade, um dos caminhos para contornar essas dificuldades e fazer uma transição de carreira é o autoconhecimento, qualificação e planejamento.

Mudança de carreira – confira 3 dicas

Por maior que seja o índice de confiança dos trabalhadores para mudar de carreira, vale ficar atento e seguir algumas dicas que irão ajudar nessa nova jornada. Confira:

  1. Autoconhecimento – conheça as suas habilidades para ter a certeza do que você quer de verdade para a sua vida;
  2. Qualificação – é preciso ficar atento ao que o mercado exige e acompanhar as mudanças que acontecem o tempo todo, fazendo cursos de qualificação e investindo sempre no conhecimento;
  3. Planejamento – prepare uma reserva financeira e corte custos, pois nem sempre uma mudança desse tipo traz retorno imediato, principalmente quando se trata de dinheiro.

Assim como qualquer outro caminho para o sucesso, nada é fácil no começo. Sendo assim, além de autoconhecimento e planejamento, é preciso ter muita resiliência e estar pronto para os imprevistos que poderão acontecer, mas sem perder as esperanças de que o sucesso chegará em suas mãos.

Compartilhe

Posts Recentes

Programa de Estágio Nestlè 2024 tem robusto pacote de benefícios

O Programa de Estágio Nestlé 2024 surge como uma oportunidade brilhante para estudantes que desejam… Leia Mais

Programa de Trainee GPA 2024 é relançado com várias oportunidades

O Grupo Pão de Açúcar reativa seu programa de trainee após uma década, promovendo a… Leia Mais

30 vagas de emprego em Fortaleza na Brisanet

A Brisanet anuncia 30 vagas de emprego em Fortaleza e Região Metropolitana, buscando talentos em… Leia Mais

Como não cair no Golpe do Falso Emprego

Em busca do trabalho dos sonhos ou de uma oportunidade para complementar a renda, milhares… Leia Mais

Vagas de Estágio no Ministério Público (MPES) têm Bolsas Atrativas

O Ministério Público do Espírito Santo (MPES) acaba de abrir as portas para uma oportunidade… Leia Mais

Bayer Lança Programa de Estágio 2024 com bolsa de até R$ 2.800

A Bayer, multinacional líder nos setores agrícola, farmacêutico e de bens de consumo, anuncia a… Leia Mais