A profissão de cineasta se refere basicamente a um profissional lutando contra tudo e contra todos em um mundo de sonhos, construído por sonhos, e visando entrar no universo dos sonhos de outrem. É um setor de pseudo glamour. Conviver com os melhores rostos e talentos que vemos na telinha, passando para o rolo de filme, os scripts que existem na cabeça e no papel apenas.

Na realidade é um árduo caminho de superação, onde é preciso, para sobreviver,  obstinação e insistência. É um setor do mercado que está repleto de profissionais, mas pouco incentivo e dinheiro a ser empregado. Isso não quer dizer que o sucesso é improvável.

Grandes nomes brasileiros como Murilo Salles e Fernando Meirelles começaram de baixo, como qualquer mortal, e provaram que apesar de competitivo e complicado (como qualquer outra profissão) é possível alcançar o sonho de ser um cineasta e ser recompensado por isso.

Por Teresa Almeida


A paixão por cinema faz com que vários estudantes optem por seguir a carreira de cineasta, para isto, cursam em média 4 anos de faculdade de cinema e algumas vezes ainda fazem especialização.

O Cineasta compõe e realiza filmes. Neste processo, realiza diversas funções, como elaboração de roteiros, montagem, iluminação, cenário, mixagem de som, direção de fotografia, direção de câmera e montagem.

Para seguir na profissão uma coisa é indispensável: mente criativa. No curso estuda-se principalmente as matérias de direção artística, montagem, cenografia, iluminação, produção executiva e roteiro.

É possível atuar em empresas de comunicação, emissoras de televisão, produtoras de cinema e instituições de pesquisa.

Por Rosana Radke





CONTINUE NAVEGANDO: