Criação de empregos em 2014 foi a mais baixa em 15 anos



  

Em 2014 foram criadas 623,1 mil vagas de emprego formal, pior resultado dos últimos 15 anos.

Na sociedade contemporânea, a geração de vagas formais para o trabalho foi considerada a mais baixa em 15 anos. Segundo a Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), no País foram criadas 623,1 mil vagas formais de trabalho tanto nos setores privado como público, em 2014. Desta forma, o ano contou com um total de 49,5 milhões de vínculos de emprego. Este número corresponde 1,27% a mais que em 2013.

Entretanto, estes números também mostram uma triste realidade: o resultado mais baixo de geração de vínculos empregatícios desde o ano de 1999. Por exemplo, para os empregados celetistas (regidos segundo as normas da CLT), o aumento do emprego formal foi de 1,45% no ano de 2014, sendo que foram criados 580,6 mil novos postos de trabalho. Em relação ao vínculo estatutário, o aumento correspondeu a um percentual de 0,47% e foram preenchidas 42,5 mil vagas no serviço público.

Todavia, apesar do contexto negativo, o setor de serviços e também o de comércio tiveram um desempenho positivo, porque foram os responsáveis pela criação de 587,5 mil postos de trabalho e 217 mil vagas, respectivamente.



Além disso, segundo comparação regional, a região do nordeste foi considerada líder na criação de novas vagas para o Brasil, sendo criados 206,2 mil postos de trabalho. Em segundo lugar, a região sudeste com 169,5 mil e a região centro oeste teve o pior desempenho com 54,3 mil.

Dentro deste contexto, a remuneração também apresentou crescimento. Descontada a inflação, por exemplo, teve um crescimento de 1,76%, chegando a alcançar, em média, R$ 2.449,11. Foi considerado sempre o mês de dezembro. Além disso, também teve elevação do salário médio nas unidades federativas do Brasil, com exceção apenas do Espírito Santo, que teve perdas de 2,14%. O Brasil passa por um momento de crise, que afeta vários setores e, assim, impacta a economia, e a desaceleração reflete um momento que também influência a política.  

Por Babi



Post Comment