Como procurar emprego em tempos de crise



  

O momento pelo qual o Brasil está passando está deixando muitos profissionais sem emprego, mas com algumas dicas é possível se recolocar no mercado de trabalho.

O Brasil vive atualmente uma grave crise econômica. Milhares de postos de trabalho foram fechados, muitas famílias estão vendo suas rendas despencarem, e o horizonte não é nada promissor para uma nova recolocação no mercado de trabalho. Somente em julho deste ano foram mais de 157 mil vagas com carteira assinada fechadas, sendo o quarto mês seguido onde demissões foram maiores que admissões. Cenário que se mantém contínuo até o momento. Mesmo assim algumas admissões estão acontecendo, mas a competição está muito mais acirrada e os salários muito mais baixos. Então como manter o padrão de vida conquistado, as crianças no colégio, o plano de saúde? Separamos aqui algumas dicas de especialistas que o ajudarão a passar por esse momento com menos impacto.

Avalie seu currículo, todos os detalhes, ele está atrativo? Tem muita informação, ou pouca? Quanto maior a concorrência maior o processo seletivo, é importante ter um visual de fácil leitura para que seu currículo passe no primeiro crivo, para que seu currículo seja escolhido para aquela leitura mais detalhada.

Defina estratégias de busca, manter-se ou não na mesma área, pretensão salarial, saber onde se quer chegar ajuda a encontrar o caminho.



A internet é uma ferramenta que mudou completamente o jeito de buscar tanto a vaga quanto os candidatos. Por isso, mantenha seu perfil social atualizado, tome cuidado com opiniões muito polêmicas, e também busque vagas através dos sites de relacionamento. Muitas empresas fazem todo o processo pela internet.

Não panflete seu currículo, selecione as vagas que julga ter o perfil adequado. Se inscrever em todas mostra falta de foco. Além de colocar o candidato em risco, uma vez que ele pode acabar aceitando uma vaga que não é exatamente o que ele busca, e perder uma real oportunidade de sucesso. Por outro lado empregos temporários e freelance podem ajudar bastante, não só financeiramente, mas também no network.

E, por fim, não descuide das finanças, quanto menos difícil ficar a parte financeira mais rápido a vida se estabiliza novamente.

Por Vivian Schetini



Post Comment