CPF – Como Tirar e Documentos Necessários para Fazer




Saiba aqui como fazer o seu CPF.

A Receita Federal do Brasil (RFB) estabeleceu recentemente que na declaração do Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) de 2019, referente ao exercício de 2018, os alimentandos ou dependentes dos contribuintes devem possuir registro no Cadastro de Pessoa Física (CPF), quaisquer que sejam as idades daqueles. Até o ano passado, essa exigência era apenas para crianças acima de 8 anos de idade, completos em 2017. Como os recém-nascidos passam a ser inclusos, você pode conferir as informações a seguir sobre como você pode obter o CPF para seu filho que ainda não possui.

Conheça os locais para solicitar o Cadastro de Pessoa Física

Para tirar o CPF pela primeira vez, você pode se dirigir, de segunda a sexta-feira, a uma agência do Banco do Brasil, da Caixa Econômica Federal ou a algum posto de atendimento dos Correios. O horário de atendimento dessas instituições começa às 8h e se encerra às 16h. Vale lembrar que tais locais não funcionam em feriados, sábados e domingos. O serviço é pago e custa R$ 7.


Se você preferir, pode ir a uma entidade pública conveniada com a Receita Federal, como por exemplo, as unidades de atendimento ao cidadão, "vapt vupt", ponto cidadão, unidades de atendimento integrado, expresso cidadão em vários municípios dos estados brasileiros, a fim de obter o CPF de modo gratuito.

Podem fazer os procedimentos quem é brasileiro, mas também quem for estrangeiro e resida no Brasil.

Também é possível fazer o Cadastro de Pessoa Física pela internet, no site da Receita Federal. Nesse caso, você deve possuir entre 16 e 25 anos, ter título de eleitor e estar em dia com suas obrigações eleitorais. No portal da RFB você preencherá o formulário eletrônico com seus dados pessoais de identificação e endereço. Por esse meio você também não tem custos para emissão do seu novo documento.


Quais são os documentos necessários para solicitar o CPF?

Veja quais são os documentos exigidos para requisitar o CPF: registro geral (RG), certidão de nascimento, de casamento ou outro documento com foto em que constem a filiação, a data de nascimento e a naturalidade do requerente, título de eleitor (apenas obrigatório para quem tem idade entre 18 anos e 69 anos), documento de identificação com foto dos pais ou do responsável legal pelo menor de idade. No caso de ser curador, tutor ou responsável que tenha a sua guarda, é necessário ainda apresentar o documento que comprove a determinada condição, conforme seja o caso.

Lembre-se de levar os documentos originais. Mas também são aceitas cópias autenticadas.

Regras específicas quem mora no exterior

Os brasileiros que estejam morando fora do país ou pessoas estrangeiras que precisem obter o CPF, para fins de investimento no Brasil, por exemplo, mas que não residam no Brasil, devem se dirigir aos órgãos de representação diplomática brasileira. O serviço é gratuito e os documentos a serem apresentados pelos brasileiros são os mesmos exigidos para os residentes no Brasil. Já os estrangeiros devem levar documento de identificação que esteja com prazo de validade em dia no país em que reside.

Número do Cadastro de Pessoa Física na Certidão de Nascimento

A Receita Federal lançou, no ano de 2017, no estado de São Paulo, a emissão do número do CPF junto com a certidão de nascimento. Já em 2019, diversos estados já elaboram ambos os documentos juntos, uma vez que tal serviço é obrigatório para todos os cartórios nacionais. A próxima medida será emissão das certidões de óbito e de casamento com o número do CPF.

Essa prática facilita a vida do cidadão, uma vez que são vencidas questões burocráticas.

Saiba mais informações no site da Receita Federal.

Melisse V.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *