Mais uma oportunidade para jovens do estado de Amapá. Trata-se do Programa Projovem, cujas inscrições do processo seletivo estão abertas para os interessados. A realização do certame será de responsabilidade da Secretaria de Estado da Educação (SEED), e irá selecionar profissionais por meio de entrevistas para o preenchimento de vagas, mais formação de cadastro de reserva. Os aprovados terão direito a salários que oscilam entre R$ 900,00 a R$ 1.800,00.

Haverá vagas destinadas aos candidatos portadores de necessidades especiais, desde que as atribuições do cargo sejam compatíveis com as limitações do candidato. Além disso, os candidatos deverão apresentar laudo médico para comprovação.

Os profissionais aprovados na seleção prestarão serviços, por meio de contrato administrativo, firmado e com prazo de validade pré-determinado. Ele passará a valer a partir da convocação e pode ser renovado, conforme as necessidades do programa. Há vagas para os municípios de Macapá e Santana. Ao todo são 35 oportunidades, das quais 24 são para Macapá e 11 em Santana.

O programa tem o objetivo de garantir aos jovens, na faixa etária de 18 a 29 anos, que ainda não concluíram o ensino fundamental (necessário saber ler e escrever) ações para concluir a escolaridade, na forma de curso. Dessa forma ele receberá qualificação profissional inicial e participação como cidadão, inserido na sociedade em diferentes âmbitos. Trata-se de uma iniciativa que executa medidas voltadas aos jovens que foram excluídas do processo educacional por qualquer que seja a forma, visando reduzir situações de risco, desigualdade social e demais fatores de vulnerabilidade social.

Os interessados podem se inscrever entre o período de 26 de novembro a 1º de dezembro, preenchendo o formulário disponível no endereço eletrônico: www.processoseletivo.ap.gov.br. O resultado preliminar será informado a partir do dia 6 de dezembro e a convocação online acontecerá no dia 16 do mesmo mês. Vale ressaltar que não será cobrada nenhuma taxa dos candidatos. 

Por Robson Quirino de Moraes


Indiretamente, os empresários que têm reportado falta de qualificação da mão de obra em vários setores brasileiros podem ter uma contrarresposta da própria população se depender da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho (Semdet). Até 31 de julho, os interessados em obter aparatos qualificativos podem se inscrever em uma das unidades do Centro de Apoio ao Trabalho para tal.

Com dez mil vagas abertas, o objetivo do programa, o Projovem, é municiar e inserir jovens no mercado de trabalho, além de cooperar para o reconhecimento e a valorização dos direitos humanos. Metade das oportunidades é restrita à área de telemática – computação e telecomunicação –, outras três mil em administração e o restante para a esfera alimentícia.

Os cursos terão duração de um semestre, com carga horária total de 350 horas. As aulas acontecerão em todos os períodos (manhã, tarde e noite), com início demarcado para 2 de agosto e término previsto para 10 de fevereiro do ano que vem.

O cursando terá acesso a auxílio-transporte, auxílio financeiro de R$ 100 mensais, material didático, lanche, kit escolar e duas camisetas. A Semdet ressalta que poderão se inscrever pessoas de 18 a 29 anos que estejam desempregadas.

Endereços dos CATs

Zona Central

Luz
Av. Prestes Maia, número 913

Zona Sul

Interlagos
Av. Interlagos, número 6.122

Zona Oeste

Lapa
R. Afonso Sardinha, número 201
R. Monteiro de Melo, número 342

Zona Norte

Santana
R. Voluntários da Pátria, número 1.553

Zona Leste

Itaquera
R. Gregório Ramalho, número 12

Por Luiz Felipe T. Erdei


Se você é um profissional formado em Sociologia, Pedagogia, Serviço Social, Biologia, Enfermagem, Psicologia, Fisioterapia, Direito, Ciências da Computação, Sistema da Informação ou Análise de Sistema, essa é a oportunidade de se candidatar às 100 vagas disponibilizadas pelo programa do Ministério do Trabalho.

Estão abertas as inscrições para instrutores do programa Projovem trabalhador. As inscrições devem ser realizadas no Sistema de Intermediação Municipal de Mão-de-Obra (Simm), em Salvador, nos bairros do Comércio, Cabula VI ou Fazenda Grande II. Não perca tempo e faça já a sua inscrição.





CONTINUE NAVEGANDO: