Dicas para se sair bem em uma entrevista de emprego




A famosa frase “a primeira impressão é a que fica” nunca sai de moda no mundo corporativo.  Se o mercado de trabalho está cada vez mais competitivo também cada vez mais os candidatos a uma vaga de emprego tem que estar dispostos a passarem uma boa imagem de si mesmos logo de “cara”.

A maneira como o candidato se veste, a sua pontualidade e comportamento do mesmo podem ser pontos fundamentais que irão determinar se ele é a pessoa certa ou não para a vaga.


Um bom passo para quem deseja se dar bem em uma entrevista de emprego ou ao menos não passar uma má impressão é começar a se preparar antes para o que está por vir. Isso inclui as perguntas do recrutador, as dinâmicas e outras fases que as seleções costumam ter. Chegar antes do horário marcado para a entrevista, conhecer bem a empresa e sua atuação no mercado são alguns “itens” nos quais o candidato deverá prestar atenção. Outra questão é que no momento de destacar suas qualificações o candidato passe a imagem de segurança. Abaixo listamos algumas dicas simples para quem vai participar de uma entrevista de emprego e não quer se dar mal.

1 – Currículo atualizado, bem elaborado e com informações relevantes.

Como sabemos o currículo é o cartão de visitas do candidato. Muitos recrutadores já descartam o candidato por coisas simples como erros de digitação ou ainda currículos que mais parecem o estudo de algum assunto (com mais de duas páginas). É bom tomar cuidado com as informações. Colocar aquilo que realmente é importante é que é o ponto base.


2 – Conquistas, pontos fortes e pontos fracos.

Saber sobre si mesmo dá ao candidato uma maior segurança. Muitos deixam para pensar nisso já no momento da entrevista. O que de fato é um erro. Definir antecipadamente aquilo em que se é bom, saber o que foi conquistado de antemão torna mais fácil a “venda” da imagem do profissional.

3 – Cuidado com os cumprimentos.

Tem gente que acredita que fazer um cumprimento forte, efusivo é uma boa forma de passar uma boa imagem. Isso é um grande engano. Simplicidade e naturalidade são mais indicados e mais seguros.

4 – Cuidado ao falar sobre seu chefe e seu emprego anterior.

Se for para destacar pontos em que você contribuiu ou resultados apresentados pelo chefe graças a uma iniciativa sua tudo bem. O que não vale é “descer o pau” na empresa e no antigo chefe. A primeira coisa que o recrutado vai pensar é: “É isso que ele vai fazer se sair daqui. Não quero ninguém sujando o nome da empresa ou o meu!”. Então muito cuidado com isso.

5 – Vestuário.

Esteja bem vestido de acordo com a empresa em que vai ser entrevistado. Algumas empresas são mais “liberais” enquanto que outras são muito conservadoras. É a velha dica: vista-se decentemente e discretamente.

6 – Mantenha contato visual com o recrutador.

Ao manter o contato visual com o recrutador o candidato demonstra que está prestando atenção ao que o mesmo está dizendo. Quem fica de cabeça baixa passa uma imagem de tristeza e timidez, coisa que nenhuma empresa quer em seu quadro de profissionais.

7 – Pergunte.

Não faz mal nenhum fazer perguntas no momento certo ao entrevistador. Isso vai mostrar que realmente há um interesse de sua parte em relação à vaga e à empresa.

8 – Desligue o celular.

Acho que não é nem preciso dizer o motivo. A entrevista é sua e sua grande chance. Interrupções poderão tirar você do jogo. Isso é válido tanto para o momento da entrevista quanto para outras fases como as dinâmicas de grupo, por exemplo.

Por Denisson Soares

Relacionados



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *