Valor do Novo Salário Mínimo 2018




Veja aqui o reajuste e o valor do Novo Salário Mínimo 2018.

Estamos encerrando o ano de 2017 e muitos brasileiros estão na expectativa para saber o novo valor do salário mínimo brasileiro, que é reajustado em todos os anos para passar a valer a partir do mês de janeiro. Se você estava esperando, o presidente da república já anunciou este valor, sendo ele de R$954, o que significa um reajuste de 1,81%, o menor dos últimos 24 anos. De acordo com informações da assessoria de imprensa do governo, no Brasil existe uma média de 45 milhões de pessoas que recebem o salário mínimo. Este número relaciona-se somente a aposentados e pensionistas do INSS, que recebem o piso previdenciário, cujo dinheiro em parte sai dos cofres públicos. Sem falar dos outros milhões que trabalham e que possuem como única renda o mínimo estabelecido pelo governo federal.

Na última sexta-feira, dia 29 de dezembro, o presidente Michel Temer assinou o decreto que já foi publicado no Diário Oficial da União, determinando que a partir do próximo dia 1º do mês de janeiro, o salário mínimo vigente no país será no valor de R$954.


Durante os últimos meses do ano muito se falou sobre o valor de 2018. A estimativa inicial era de que fosse de R$979. Contudo, em pouco tempo essa estimativa foi para R$969 e em seguida para R$965.

Porém, estes valores eram apenas estimativas, já que era necessário aguardar até a passagem do mês de novembro para realizar o cálculo com as informações verídicas. Aliás, o valor do salário mínimo há muitos anos é calculado com base em uma fórmula que considera o INPC, que é o Índice Nacional de Preços ao Consumidor, que nada mais é que a inflação e que deve ser considerado o ano anterior que no caso é o de 2016 e também o valor do PIB, que é o Produto Interno Bruto de dois anos anteriores.

Desse modo, o resultado obtido até o mês de novembro foi de 1,81%, já que o PIB não pode ser considerado por estar negativo, muito abaixo do esperado, o que se deu pelo fato da crise da economia.


De acordo com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos, este percentual utilizado para o reajuste do salário realmente foi abaixo do que esperava, já que a variação do INPC é um pouco maior. Mas, não havia outra alternativa para o governo, que precisa diminuir seus gastos e economizar no ano de 2018 uma média de R$ 3,3 bilhões, para que a economia possa de estabilizar de vez, já que desde 2016 ela tem estado muito instável. O Dieese ainda afirma que mesmo com esse reajuste abaixo do esperado, os brasileiros passaram por um ano sem picos de inflação, o que já é um ponto positivo, principalmente em um ano em que muitos brasileiros perderam seus empregos.

Assim, quando a inflação é menor durante o ano, o reajuste do mínimo também tende a ser menor.

Então, quem recebe salário mínimo passará a receber R$957 e quem trabalha recebendo por dia passará a receber o mínimo de R$ 31,8, enquanto que quem trabalha por hora irá receber R$ 4,34.

Já consideranda a situação do país durante este ano de 2017, a maioria das pessoas já estava esperando que o reajuste não seria o ideal para um salário que já é mínimo. Contudo, o problema maior é de que há uma forte previsão de que no ano de 2018, ao contrário do que ocorreu em 2017, a inflação realmente aumente, o que irá atingir de fato milhões de brasileiros que perderão o seu poder de compra e que enfrentarão muitas dificuldades para manter as suas necessidades mais básicas.

Sirlene Montes

Relacionados



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *