Dicas de como manter o ambiente de trabalho organizado




Normalmente a nossa rotina no trabalho se torna mais embaraçosa quando não conseguimos equilibrar organização e obrigação, e isso pode ser tornar um problema para o profissional, podendo atrapalhar até a sua produtividade. Para que isso não aconteça com você, siga as dicas a seguir e estabeleça a organização como prioridade para a sua vida:

– Reserve um dia para se organizar: você pode não saber, mas o que mais atrapalha nosso senso de organização é querer fazer tudo ao mesmo tempo. Por isso, tire um tempo só para arrumar aquela mesa do escritório, seus arquivos do computador, aquela agenda de contatos, fazer aquela ligação que está pendente há tempos, dentre outras tarefas. Não economize tempo quando o assunto for organização, e só volte à sua rotina normal quando sentir que está tudo sob controle.


– Saia da rotina: quando estamos desorganizados a tendência é continuarmos desorganizados se não ousarmos na rotina. Quando você conseguir se organizar faça uma rotina diferente desta vez para não se perder de novo, e nessa hora vale tudo, trabalhar em outro ambiente que não seja o seu escritório, trocar ou alternar tarefas, sair para almoçar mais cedo, entre outras, use a sua imaginação!

– Troque pilhas de papéis em sua mesa por arquivos: sabe aquela pilha de papéis que costumamos acumular em nossa mesa? Ela já ficou no passado. Hoje em dia se pudermos passar tudo para o computador, melhor, só não vale fazer com os arquivos do computador a mesma confusão das pilhas de papéis. E isso vale também para agendas de contatos, onde você marca suas reuniões e contatos de outros profissionais. Uma boa dica é trocar a agenda por um smartphone, pois você pode baixar aplicativos que servem de auxílio para você gerenciar melhor suas tarefas.

Enfim, use sua criatividade para não cair na rotina da desorganização, esteja sempre atento para que tudo não vire uma bola de neve, impedindo-te de voltar atrás de novo.


Por Daniela Almeida da Silva

Relacionados



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *