Melhores Empresas para se Trabalhar no Brasil 2016 – Instituto Top Employer



  

Pesquisa realizada pelo Instituto Top Employer apresenta as 26 melhores empresas para se trabalhar aqui no Brasil.

Em tempos que o Brasil enfrenta uma grave recessão econômica, as empresas nacionais ou com filais no país precisam criar alternativas para que a crise não as atrapalhe.

O caminho para que seu desempenho nessas empresas não seja afetado é justamente as oportunidades ofertadas para os funcionários com planos de carreiras e o próprio desenvolvimento enquanto instituição. Levando em consideração essas características, o Instituto Top Employer, sediado na Holanda e com vinte cinco anos de tradição, certificou em março deste ano 26 empresas sediadas no Brasil com o selo Top Employers Brasil 2016.

As 26 empresas estão no ranking por ordem alfabética, já que essa lista não é de pontuação. Mas dentro desse grupo, cinco instituições mereceram destaque, pois foram às melhores avaliadas, são elas: SAS Institute, Tata Consultancy, Deloitte, Vale e Takeda.

Já as instituições presentes no ranking do selo Top Employers Brasil 2016 são: Atento, Avanade, Banco do Brasil, CCB Brasil, Corbion, Cyrela, Deloitte, DHL, Dimension Data, Everis, Kimberly-Clark Brasil, Klabin, Grupo Segurador BB Mapfre, Orange, Oxiteno, PwC, Repsol Sinopec, Saint-Gobain, Samsung, SAS, Sirona, Souza Cruz, Takeda Brasil, Tata Consultancy Services, Technip e Valeo.



Para concorrer a este certificado, as instituições passam por um processo seletivo rigoroso. As empresas que tenham os critérios para a participação do processo precisam primeiramente efetuar a inscrição. A segunda etapa é uma pesquisa, que se refere a um questionário de melhores práticas de Recursos Humanos desenvolvidas na empresa, leva-se em consideração o plano de carreira oferecido, além de se avaliar o panorama que o RH da empresa mantém, como por exemplo, política interna e estratégias para o desenvolvimento.

O terceiro ponto do processo é a validação dessas práticas adotadas nos RH’s das empresas avaliadas. O Instituto faz uma revisão de todas as repostas. Esta etapa chamada de validação, consiste em ver se a empresa dentro do setor de Recursos Humanos segue os critérios estabelecidos pelo Top Employers. O processo seguinte é a auditoria, que é realizada por um auditor terceirizado, essa etapa consiste em verificar se as informações são verdadeiras.

O próximo passo, chamado de processo de avaliação, é um feedback que as organizações que estão em avaliação recebem pelo Instituto, essa fase é de eliminação, até as eliminadas recebem um feedback do que precisa ser melhorado. As que receberam aval em todas as etapas recebem o selo e estão autorizadas a utilizá-lo.

Por Isabela Castro



Post Comment