Descubra aqui o que é Networking e qual a importância dele em sua carreira.

Networking é uma expressão em inglês, utilizado no meio administrativo. Quer dizer rede de contatos ou rede de relacionamentos. É um método onde os participantes dessa rede compartilham serviços, informações ou contatos sobre um assunto em comum.

Essa palavra tem relação com o ramo empresarial e sugere uma ação de busca de contatos, sempre com o pensamento nas mudanças positivas, como por exemplo, conseguir um emprego ou alavancar na carreira. Essa atividade pode ser confundida com algo egoísta, em que uma pessoa se aproveita da outra em benefício próprio, mas não é bem assim. No networking deve existir sempre algo recíproco, onde uma pessoa ajuda a outra e também obtém benefícios, como uma troca de experiências.

Imagine que uma corporação precisa contratar alguém para um cargo em específico. Nessa situação, é comum que o empregador pergunte aos seus funcionários se eles conhecem algum na sua rede de contatos que tenha o perfil exigido. Aquele que se sair melhor na utilização no networking pode ser mais facilmente indicado para subir de cargo quando a oportunidade aparecer.

Networking não se relaciona somente com a aquisição de novos contatos, também tem a ver com a capacidade de se manter em contato com pessoas que já se conhece, como antigos professores e amigos influentes. Essa ferramenta só funcionará bem para quem apresenta uma boa desenvoltura social. Para ter uma rede de contatos eficiente, é preciso ser muito bom nos relacionamentos pessoais. Por esse motivo o networking é inteirado ao treinamento. Lembre-se sempre: nesse meio o mais importante não é quantidade, mas sim a qualidade.

Na hora de conhecer gente nova ou reaver seus contatos, tenha em mente que o networking é um mecânismo que exige paciência, não é algo que se usa para urgências. Isso quer dizer que quando você conhece alguém importante e entrega logo seu currículo, pode ser visto como uma pessoa inconveniente. Seja paciente, procure conhecer seus relacionamentos, pois eles podem lhe ajudar numa oportunidade, assim como você pode ser de grande ajuda.

Essa ferramenta tem ganhado cada vez mais espaço e relevância no mercado hoje, por ser mais descomplicado encontrar gente de nível superior e com características mais específicas para o meio corporativo. Nem sempre ter um currículo surpreendente ou experiência no cargo é o bastante para alcançar aquele trabalho. Conhecer pessoas que trabalham na área que você deseja e que te enxergam como potencial pode ser a diferença entre as decepções trabalhistas e o sucesso.

Por Fábio Santos


Confira aqui algumas dicas para aumentar a sua rede de networking.

Como é o seu networking? Com a competividade no mercado, é fundamental saber estabelecer boas relações no mundo corporativo. Os profissionais que desejam crescem precisam manter uma rede ativa de contatos. Que tal conferir algumas dicas para aumentar o seu networking?

Como está a sua rede de relações? Existem contatos no mundo profissional que são de ouro, mas podem ter ficado perdidos no meio do caminho da sua trajetória profissional. Por exemplo, àquele colega de faculdade que ocupa uma posição de destaque na empresa. Que tal tentar reestabelecer o contato? Ele pode ser útil, sobretudo se você estiver pensando em sair do seu trabalho.

Atualmente é muito fácil encontrar pessoas. Que tal usar a internet a seu favor? Você pode formar ou aumentar o seu networking por meio das redes sociais. Depois, pode formar um grupo de contatos e tentar estabelecer amizade.

Além das redes sociais, você pode encontrar uma velha amiga de infância no shopping ou no supermercado próximo a sua casa. Ou seja, esteja sempre atento com as coisas que acontecem ao seu redor. Se encontrar alguém, por exemplo, aproveite para ser gentil e reestabelecer o contato.

A relação profissional só evolui se ambos estiverem interessados. Por isso, se perceber que a outra parte está forçando um contato ou não está demonstrando interesse, é melhor não insistir e respeitar a posição alheia. Lembre-se de que os relacionamentos devem ser bons, saudáveis e precisam somar.

Você tem o hábito de fazer cursos ou visitar congressos? Estar atualizado é fundamental e aproveite estes eventos para ampliar a sua rede de contatos. Além disso, busque compartilhar experiências, aumentar o conhecimento e investir na sua trajetória profissional. Cuidado para não ficar parado no tempo. Esteja por dentro de tudo o que acontece na sua área profissional.

O networking deve ser alimentado sempre e não apenas quando você tiver interesse. Lembre-se de que assim a sua rede de contatos vai ampliar e muitas oportunidades podem surgir. 

Por Babi


Networking é a capacidade de manter e desenvolver uma rede de contatos formais, ou seja, profissionais.

Você já parou para pensar o que é o Networking? Não? Então é hora de ter mais atenção a isso. Neste artigo vamos explicar de maneira clara e objetiva do que se trata e como melhorá-lo e o que fazer dele ou com ele. Então, vamos lá!

Primeiramente, chamamos de networking aquela dita capacidade não apenas de manter, mas também de desenvolver uma rede de contatos formais. Claro que com o objetivo de que alguns interesses em comum sejam atendidos. Em outras palavras é o mesmo que montar uma rede de contatos profissionais – o network – onde os integrantes têm em vista a construção de parcerias, a idealização de projetos, novas oportunidades de trabalho dentre diversos outros pontos.

Quando se mantém um bom network os benefícios são bem maiores para aqueles que o praticam além, é claro, de possibilitar um bom ciclo de relacionamentos.

Por isso, selecionamos algumas dicas simples para que qualquer pessoa possa aplicar e melhorar seu networking. Confira:

– Liste os interesses:

O profissional precisa centrar seu foco em si mesmo ou até mesmo na empresa em que está. O objetivo é permitir que se possa estabelecer e investir em contatos importantes na área.

– Planeje um discurso:

Não é uma propaganda política. Neste caso, ensaiar um discurso é apenas fazer uma lista sobre suas melhores qualidades como profissional. Além disso, é preciso ser breve ao se apresentar. Uma boa dica é usar exemplos bem-humorados ou interessantes para despertar a atenção das pessoas.

– Ache um diferencial:

É importante que o profissional tenha o mínimo de bom senso e cuidado para ser uma pessoa interessante. Usar o perfil profissional bem “apresentável” pode ser uma boa sacada para que ele possa servir como uma “boa apresentação” de si mesmo.

– Faça-se entender:

Ser mal interpretado por outros profissionais em especial de uma rede de networking é péssimo. Por isso, não ache que é uma perda de tempo ler e reler textos de e-mails e outras informações. A principal finalidade disso é que a ambiguidade seja evitada principalmente quando o assunto for explicar as habilidades próprias e conhecimentos.

Há muito mais que se pode fazer para se ter um bom network. Ter uma rede social apenas com contatos profissionais é uma arma a mais a seu favor.

Aproveite as dicas e boa sorte!

Por Denisson Soares





CONTINUE NAVEGANDO: